Carlos Serrão

as minhas notas e página pessoal…

Windows no Mac via Parallels

| 27 Comments

Bolas, lamento ter que dizer/admitir isto, mas infelizmente é a mais pura das realidades. Sou um Mac switcher recente (desde o inicio do ano) e ainda não me consegui ver livre do Windows. Bolas, e double bolas. Tenho tentado arranjar software que consiga substituir grande parte do que fazia em Windows, mas ainda não consegui arranjar um substituto à altura para o Office – e não apenas em termos de funcionalidades, mas igualmente em termos de desempenho.

Tenho tentado alguns… Office for Mac 2004 (uma nódoa em termos de performance, lento… muito lento), NeoOffice (interessante, mas mesmo assim com alguns problemas em termos de performance), Pages (peca for não ser muito compatível com os documentos Office), e ainda outros com o Bean e o Mellel. Mas confesso que nenhum me consegue satisfazer em pleno. No que toca à performance, até o Office a correr dentro de uma máquina virtual é mais rápido que o NeoOffice ou o Office 2004 for Mac.

É por isso que resolvi investir e comprar uma licença para o Parallels – em minha opinião a melhor máquina virtual, neste momento disponível, para ambientes Mac OS X, e que deixa a concorrência do Virtual PC e do VMware Fusion a anos-luz de distância – e instalar o Windows XP com o Office.

Depois de instalar o Parallels no Mac, criar uma nova máquina Virtual para Windows XP e instalar o mesmo é uma brincadeira de crianças. Todo o processo é automático, e o utilizador apenas tem que preencher uns dados iniciais, e todo o procedimento de instalação é automatizado até ao final. Parece incrível, mas é muito mais simples e rápido instalar o Windows XP na máquina virtual do que instalá-lo de uma forma nativa.

Vamos então rever o processo passo a passo…

A primeira coisa a fazer, depois de iniciar o Parallels, é indicar qual o tipo de sistema operativo que queremos instalar na máquina virtual. Seleccionada a opção do Windows, chega a vez de seleccionar qual o tipo de instalação para o mesmo. Pela sua facilidade de instalação, sugiro que optem pelo Windows Express, que é aliás a opção recomendada.

Media_httphomeisctept_afuqx

É depois possível optar entre efectuar uma instalação do Windows XP ou do Windows Vista. Para aquilo que se pretende, vamos seleccionar o Windows XP.

Media_httphomeisctept_ncojm

Depois é preciso preencher alguns dados de configuração do XP, nomeadamente o Product Key.

Media_httphomeisctept_yfddi

Depois podemos seleccionar o comportamento da nossa máquina virtual, face ao sistema operativo guest e o nativo (Mac OS X). Tudo depende da utilização que queiramos fazer da nossa máquina virtual, mas o que é recomendado é atribuir maior performance ao sistema operativo a correr na máquina virtual.

Media_httphomeisctept_mflou

Depois precisamos dizer se vamos efectuar a instalação do Windows XP a partir de um CD/DVD ou a partir de uma imagem localizada no nosso sistema.

Media_httphomeisctept_oceln

E pronto, é tudo quanto precisamos a partir daqui a instalação é totalmente automática.

Media_httphomeisctept_gaiwd

O processo de setup do Windows XP arranca.

Media_httphomeisctept_bmblg

Os ficheiros de instalação são copiados para o disco na máquina virtual.

Media_httphomeisctept_hgbtg

A interface de instalação gráfica inicia… e a partir daqui só nos resta mesmo esperar.

Media_httphomeisctept_xugdt

A máquina virtual faz reboot e o Windows XP inicia-se finalmente.

Media_httphomeisctept_ihbjd

Quando o Windows XP se inicia pela primeira vez, são instalados no sistema operativo um conjunto de software designado por Parallels Tools, que instala uma série de dispositivos adequados ao nosso sistema, como os drivers de placa gráfica, de som, partilhas de ficheiros entre o sistema nativo e o virtual, entre outros.

Media_httphomeisctept_adsae

Depois de concluído este processo temos o Windows XP a correr sobre o Mac OS X, através do Parallels.

Media_httphomeisctept_yctpc

E pronto nada mais simples. Depois poderemos sempre configurar a nossa máquina virtual Windows XP para a podermos personalizar para o nosso tipo de utilização.

Uma das potencialidades do Parallels que eu aconselho a utilizar, é o Coherence. O Coherence, permite uma coexistência visual perfeita entre o Mac OS X e o Windows XP. Na verdade, poderemos ter “à mistura” janelas Windows com janelas de XP, e fazer facilmente drag-and-drop de ficheiros entre ambas.

Outro aspecto importante do Parallels é a possibilidade de eu poder abrir documentos no Mac OS X com aplicações do Windows XP dentro do Parallels e vice versa. A interoperabilidade entre ambos é quase perfeita.

Media_httphomeisctept_yjewy

Enfim, e com isto não há meio de me livrar da dependência Windows… 😉

Technorati Tags: , , , , , , , , ,

  • Andre

    Cara, muito bom isso! Gostei mesmo. Mas fiquei com uma pequena dúvida… os dois sistemas operacionais rodam ao mesmo tempo?

  • Carlos Serrao

    @AndreÉ claro que sim…Os dois sistemas operativos funcionam em simultâneo – essa é uma das vantagens da virtualização.Se usares principalmente o Mac OS X no teu dia a dia, podes sempre correr o Parallels e o Windows (ou outro SO), sem teres que fazer restart ao Mac, e entrar em modo Windows (como acontece normalmente com o Bootcamp).

  • Andre

    Pow, mt bom… sou um recente macmaníaco e ainda estou preso a alguns programas do ruindows =D.Ouvi falar muito bem do VMware Fusion 2.0 final, qual você acha melhor?

  • Carlos Serrao

    @AndreNeste momento tenho no meu Mac instalado o Parallels e o VirtualBox (gratuito). Já experimentei o VMWare Fusion e achei que era igualmente bom. É apenas uma questão de gosto pessoal.Só uma coisa, o Parallels apareceu primeiro para o Mac do que o VMWare, o que pode querer significar (ou não) que a sua tecnologia de virtualização Mac é mais estável e desenvolvida que a do VMWare Fusion… mas isto pode não querer dizer nada, claro.Em suma, qualquer uma destas três (Parallels, Fusion ou VirtualBox) são excelentes ferramentas de virtualização para Mac, e cumprem perfeitamente a sua função, isto é, correr outro SO dentro do Mac OS X.

  • Andrélicum

    Uma dúvida em termos de velocidade de processamento notaram alguma diferença?

  • Carlos Serrao

    Claro que sim,a máquina virtual “come” os recursos da máquina nativa.Mas dá para usar sem qualquer problema, e podes sempre alternar entre um e o outro SO, e poderes inclusive pausar a máquina virtual.Um abraço.

  • Rodrigo

    Olá!Instalei o VWware pois gosto de utilizar os alguns recursos do MacOS como o Office 2008 (que gostei bastante), iTunes, Safari e Mail. No entanro trabalho com AutoCAD e o mesmo não existe para plataforma Machintosh. Inicialmente instalei o BootCamp, mas é um saco esse lance de ter que ficar “bbotando” a máquina para dividir recursos. Instalei o VMware e aparentemente funcionou bem, execto pelo AutoCAD! Na verdade o CAD rodou super rápido mas ocorre uma verificação de licença onlineapós fechá-lo pela primeira vez e dai trava o uso do CAD. Minha versão do CAD é “crackeada”.Tive que desinstalar o VMware e formatar e reinstalar o Windows para reetabelecr o programa.Acredito que o VMware possua algum sistema de verificação online de registro dos programas instalados pois o AutoCAD é o único programa que tenho que funciona com o sistame de crack de Key Generation.Seria isso?O Parallels possui esta mesma segurança?Um abraço e boa sorte com a adaptação ao mundo Mac!Rodrigo

  • Carlos Serrao

    Viva,de facto é um problema chato…Eu confesso que não conheço muito bem o VMWare Fusion, pois aquele que uso mesmo a sério é o Parallels – apesar de já ter testado o VMWare assim com o VBox tb.Com o Parallels sei que existe uma forma de podermos dizer se se trata de uma instalação nova ou já existente do Windows, pelo que se respondermos que é uma já existente esse problema com as licenças não se colocam (ou pelo menos não se deveriam colocar). Sei que não há qq problema com a activação do XP/Vista, ou até do Office. O mesmo já não posso dizer do AutoCAD, pois é algo que não utilizo.Um abraço.

  • reggo

    carlos,instalei o parallels no meu macbook porém ele naum reconheceu os drives de usb e nem rede wireless… alguma dica?

  • Carlos Serrao

    Pois,lamento, no meu caso nunca tive que instalar quaisquer drivers para ele reconhecer os interfaces de rede no meu Mac.Uso normalmente ou o modo Shared ou Bridged e ambos funcionam sem qq problema.Podes sempre tentar recorrer ao “amigo” Google e ver se alguém se está a queixar com o mesmo problema.Lamento não poder ajudar mais…

  • Goncalo

    Carlos,Uma duvida se calhar basica de mais, mas instalei o Parallels e nao tenho cd do windows… por isso nao consigo criar a maquina virtual.Estou a fazer alguma coisa mal? Ou preciso mesmo do Cd do windows?Obrigado

  • Carlos Serrao

    Gonçalo,o Parallels é apenas o software de virtualização.Para instalar o sistema operativo precisa de ter o CD/DVD para instalar o sistema operativo.Não há milagres ;-)Um abraço.

  • Pedro Figueiredo

    Também sou um utilizador MAC, e abro várias vezes documentos criados no Word do Office 2007, através do Pages 09 e até agora não tenho tido quaisquer problemas. É claro que existem determinadas configurações num documento que se perdem quando lidos por outra aplicação, mas em regra geral consigo abrir perfeitamente, .DOC, .XLS e PPT’s através do iWork ’09 e consigo exportá-los para o formato original sem problemas.E por vezes tenho que fazer algumas apresentações tipo PPT e faço-o sempre utilizando o Keynote ’09 que, é simplesmente espectacular e na minha opinião muito mais simples, rápido, eficiente e com resultados muito superiores do que quando utilizando o PowerPoint 2007. Só tenho pena é que a maior parte dos efeitos aplicados num documento através do Keynote perdem-se quando convertidos para PowerPoint.

  • Pedro Figueiredo

    Para instalar por exemplo o Windows XP num Mac através de um virtualizador, será sempre necessário o CD ou a imagem do SO (Sistema Operativo) em formato .ISO. Uma destas duas formas serve.

  • Marco

    Carlos…estou com dificuldade de obter uma licença do parallels….tem algum site de compra?agradeço.

  • Carlos Serrao

    VIva,eu comprei a minha directamente a partir do site deles…http://www.parallels.com/

  • Marco

    vlw Carlos…estou entrando para a família apple….acho que vou precisar muito de vc….abraço.Marco

  • margarida

    Eu tenho um velhinho iBook e não o troco por nada. Pequenino, branquinho, enfim… Mas às vezes esbarro com programas que só correm em pcs. Já procurei e não encontro um programa que dê para correr o windows no meu mac. Para o processador 1.2GHz PowerPC G4 será que há um Parallels compatível? Qual?Obrigada e parabens pelo blog.

  • Carlos Serrao

    O Parallels, o VirtualBox e o VMWare apenas funcionam em Macs baseados em Intel.Apenas o Virtual PC da Microsoft suporta Macs com PowerPC.http://www.microsoft.com/mac/downloads.mspx?link_name=downloads

  • maicon landim

    heim Carlos eu instalei o xo atraves do parallels no meu macbook esta muito bom so que a camera iSght nao esta funcionando no msn do windows xp vc pode me dar uma orientacao para fazer funcionar a webcam no xp abracos

  • Carlos Matsu

    Olá xará, bem eu vou comprar um macpro e gostaria de instalar o Paralles, a minha questão é: Visto que moro no Japão (porém utilizo mais o inglês e português) meu Mac estará em lingua portuguesa. Contudo se eu comprar o Paralles via site em inglês ou japonês, qdo eu instalar ele automaticamente na instalação irá reconhecer a lingua portuguesa ou irá instalar a língua original pela localização de onde comprei o produto (visto que no site não menciona o tipo de língua que vc pretende usar).???

  • Carlos Serrao

    Viva “xará”,eu penso que não existe uma versão do Parallels em português… pelo que ele instalará a versão inglesa do software.Isto não terá qq implicação depois com a língua dos diversos sistemas operativos/máquinas virtuais que instalar sob o Parallels.Não sei se fui claro.

  • Pablo Hugo Pages

    Caro Carlos,gostaria da tua opinião.Preciso trabalhar com o 3d max.Compro um PC ou um Mac intel com Paarallels resolve igualmente bem?Abraço e obrigado,Pablo

  • Carlos Serrao

    Viva Pablo,devido ao nível de exigência gráfica do 3DS Max (renderização de cenas, etc.) eu recomendaria sempre uma solução nativa, em detrimento de uma solução virtualizada – não quer dizer que o Parallels não o suporte, mas sinceramente não sei o que pesaria no desempenho da máquina. E para isto existem 2 hipóteses:1. Compra um PC com Windows;2. Compra um Mac e instala o BootCamp para poder recorrer ao Windows sempre que precisar usar o 3DS.Abraços!

  • Pablo Hugo Pages

    Obrigado Carlos,como usuario, desde sempre, do Mac resisto à ideia do PC mas penso que neste caso você tem razão, o bom senso recomenda a solução nativa.Abraço.

  • Claudio Carvalho

    Como mudar o idioma do Parallels 5 para Portugues?

  • bruno

    nao consigo instalar o parallels , vou seguindo o passo a passo ai na hora q chega pra clicar em instalar nao da nada..vc sabe mim rsponder oq esta acontecendo vlw brigado

  • RSS
  • Twitter
  • Buzz
  • LinkedIn
  • Flickr